Aprendendo a respeitar o meu tempo, o aprendizado do ano que se passou

foto_flaviaribeiro_intercambio

Todo começo de ano coloco nesse espaço um pouco do que foi o ano que se passou. Dessa vez vim até um pouco atrasadinha, pois já estamos no fim de janeiro, mas confesso que estou seguindo um dos meus maiores aprendizados de 2018: aprender a respeitar o meu tempo.

O ano passado foi um dos anos de maiores mudanças na minha vida. Conquistei sonhos profissionais, passei por sustos que me fizeram crescer um bocado, me mudei de país e conheci um novo amor. Tudo em uma intensidade e velocidade tão grande que muitas vezes não me permitiram degustar as sensações, estava apenas vivendo, agindo e vivendo, em um looping que só se encerrou meses depois que cheguei aqui em Dublin.Continue lendo