Estudando figurinos: Thelma & Louise

Sem negar 100% meu diploma (para quem ainda não sabe, sou formada e Rádio e TV), resolvi trazer para o blog uma das minhas maiores inspirações quando o assunto é moda: os filmes. Sempre me apeguei muito à direção de arte dos filmes em geral e não posso negar que pelo menos metade da minha atenção está voltada para isso quando estou em frente à telinha. Acho muito importante a gente aprender que inspirações podem vir a partir de tudo que a gente vê e que o legal da moda não é copiar exatamente o look de alguém e sim, misturar tudo que está a nossa volta e formar a nossa própria identidade visual.

O filme escolhido da vez foi Thelma e Louise, dirigido por Ridley Scott, com roteiro vencedor de Oscar da escritora Callie Khouri e figurino assinado pela Elizabeth McBride. O filme, que foi lançado no começo dos anos 90, logo chamou minha atenção por ter como protagonistas duas mulheres, com personalidades fortes, porém bastante distintas. Esse detalhe deixa o filme muito encantador, pois deixa claro como cada uma age diante das situações e como isso vai, de certa forma, influenciando o jeito que elas se vestem nas diferentes fases do filme.

Thelma (vivida por Geena Davis) era uma mulher ingênua, que levava uma vida solitária à dispor do seu nada agradável marido. Já Louise (Susan Sarandon) era mais determinada e dona das suas próprias escolhas. Ambas não estavam muito contentes em seus relacionamentos e, por isso, resolveram tirar um final de semana para ficarem juntas em um chalé e se afastarem de seus problemas.

2 (1)

Nesse contexto cada uma tinha seu estilo bastante marcante: Thelma de regata branca com recorte ombro a ombro e botões na frente que, junto com a saia de amarração na mesma cor, dava até a impressão de usar um vestido. Por cima uma jaqueta jeans com detalhes de renda e pérola, num estilo mais romântico. Já Louise vestia uma calça jeans de cintura alta, um cinto marrom, camisa branca abotoada até em cima com bordados na gola e, para fechar, um lenço amarrado na cabeça e um óculos de sol gatinho, clássico da época, compondo um look mais cheio de si. O figurino de Louise nessa cena ganhou meu coração da cabeça aos pés, senti uma grande semelhança com a forma como me visto hoje, mesmo porque vivemos um momento da moda em que os anos 90 e o vintage são uma das nossas maiores referências.

3 (1)

4

5

Ao longo do filme as personagens passam por mudanças extremas de comportamento e isso se reflete diretamente na forma como se vestem. Acho super interessante ver o quanto os diretores usam o figurino pra comunicar essas mudanças de atitude. No segundo ato do filme o figurino começa a se desconstruir e é ai que o jeans ganha destaque, sendo bastante usado pra retratar esse momento mais cheio de ação e rebeldia. Nessa fase de transição de figurino e personalidade, Louise aparece com seu jeans clássico de cintura alta e camiseta lisa de manga longa, enquanto Thelma joga uma jaqueta jeans oversize por cima de um short de cintura alta florido e do seu biquini de babados.

8

7

6

O filme segue e a desconstrução continua. Vemos Thelma como look total jeans, fugindo completamente do seu estilo romântico do começo do filme. Louise continua básica: regata branca, cardigan preto e calça jeans com cinto, se mantendo elegante. Um fato interessante era que a cada parada que elas faziam durante a viagem alguma informação de moda era introduzida ou algum look remodelado.

9

10

Adorei quando Thelma rasga as mangas de sua camisa jeans e complementa fazendo um nózinho na cintura e quando Louise abandona todos os seus acessórios e o cardigan e, para dar um toque, amarra no dois fitilhos jeans no pescoço. Também amei perceber a parceria das duas traduzidas através dos momentos em que elas trocam de casaco uma com a outra, dando ainda mais realidade para a relação. Outro momento em que a moda serviu bastante como reflexo de mudança é quando Louise entrega seus óculos gatinho para um policial e em troca leva o Ray-Ban aviador que ele usava. Um acessório tendo um peso muito grande na comunicação dessa mudança de atitude da personagem.

11

12

Nas últimas cenas Thelma e Louise já trazem em suas roupas uma síntese de toda essa transformação de comportamento vivida durante toda a história. A personagem que mais podemos perceber essas alterações refletidas em seu figurino é Thelma. Essa mudança drástica é reforçada na última cena, quando ela aparece de regata preta de caveira e boné com broches aplicados, roubada de um caminhoneiro que as perturbava.

15

17

18

Além de muita informação de moda, o filme foi meu escolhido dessa vez por debater tabus que, infelizmente, ainda são super atuais. Na época em que o filme foi lançado, gerou bastante polêmica e controvérsia. A começar pelo fato de que raramente um filme de Hollywood teria, até então, personagens femininas como protagonistas. As mulheres desse filme começam a aventura numa busca por liberdade que não tinham em seus casamentos nem em suas vidas, atitude essa que causou certo estranhamento e até preconceito, tomando como base os modelos ideais pregados pela sociedade na época. Do começo ao fim da trama, Thelma e Louise convivem com personagens e culturas muito machistas e lidam com situações que muitos críticos do filme julgaram estereotipadas demais, mas que não deixam de representar uma realidade bastante presente na sociedade da época e de hoje.

14

13

O filme foi fonte de diversas inspirações para mim e, para quem ainda não assistiu, prepara a pipoca e corre pro Netflix. Garanto que não vai se arrepender!

Quem tiver sugestões de filmes ou séries que o figurino fazem os olhos brilharem, comentem aqui! Vou adorar assistir e analisar tim tim por tim tim para vocês.

2 comentários em “Estudando figurinos: Thelma & Louise

  1. Ei, encontrei seu blog por acaso e achei uma graça! Quando li nesse post que você era de outra área e migrou pra moda super me identifiquei, to nessa correria tbm e é bom saber que da certo sim quando a gente corre atras né!?

    Tem algum post que você conta como foi essa troca de área e sobre o curso que vc fez? Fiquei curiosa e seria muito útil pra mim saber mais sobre esse processo. 🙂

    Enfim, sucesso pra você e continue com o blog pq vou acompanha.
    beijo

    http://www.garimpomag.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *